Luziânia não perde do Gato no Regional desde 2012: uma escrita incômoda

Os donos do pedaço

Última vitória como mandante é de 2013. Cassius fez o gol, mas perdeu outras oportunidades
Última vitória como mandante é de 2013. Cassius fez o gol, mas perdeu outras oportunidades como esta
A contagem leva em consideração apenas jogos oficiais. O empate em 0x0 em março de 2013 não foi considerado
A contagem leva em consideração apenas jogos oficiais. O empate em 0x0 de março de 2013 não foi considerado

Os dois últimos invictos do Candangão 2016 enfrentam-se neste sábado, 16h, no Estádio Regional,  numa partida que coloca em jogo não apenas o  topo da tabela, mas também uma escrita que já perdura por 14 anos: desde 2002 que o Ceilândia não vence o Luziânia jogando em casa.

Ano passado, expulsão de Dedé foi determinante e CEC foi eliminado nas quartas
Ano passado, expulsão de Dedé foi determinante e CEC foi eliminado nas quartas

A última vitória do Ceilândia sobre o Sobradinho jogando no Regional ocorreu em 21 de abril de 2002. Naquele dia, com gols de Ricardinho, Cassius e Maninho, o Gato Preto venceu o seu adversário por 3 x 1 (Giovani descontou para o Luziânia.

Chefe machucou contra o Sobradinho: dúvida para este final de semana
Chefe machucou contra o Sobradinho: dúvida para este final de semana

De lá para cá foram nove jogos, com seis empates e três derrotas do Gato Preto para o Luziânia, incluindo aquela do título de 2012.

Para a partida desse final de semana, Adelson somou outra preocupação às já existentes: Didão, Clécio, Chefe e o substituto imediato,  Cassius, ainda não estão nas suas melhores condições.

Luziânia não perde do Gato no Regional desde 2012: uma escrita incômoda
Luziânia não perde do Gato no Regional desde 2002: uma escrita incômoda

Por melhor que seja o elenco do Ceilândia, a perda de até seis nomes incomoda. Adelson  naturalmente mantém segredo de suas informações, mas se diz tranquilo e confiar no seu elenco.

O treinador assistiu o empate  entre Luziânia e Brasília. Disse estar preocupado, principalmente com a movimentação do time azulino. Diante da importância do jogo, fez questão de manter as suas dúvidas o mais secretas possível. Então, o CEC deve ser conhecido apenas na hora do jogo.

 

Comentarios

Comentarios