Desfalcado, Ceilândia goleia Brazlandense

Ceilândia teve dificuldades contra Brazlandense
Ceilândia teve dificuldades contra Brazlandense

As meninas do Ceilândia tiveram uma mostra, na manhã deste domingo, que não basta ser melhor para vencer: é preciso jogar.

A lição espelhada aplica-se ao Brazlandense: a disposição permite que você equilibre o jogo, mas é sempre necessário algo mais.

Na maior parte do tempo, o CEC deu campo para o Brazlandia
Na maior parte do tempo, o CEC deu campo para o Brazlandia

Apesar do placar, foi um jogo difícil. O Brazlandense aproveitou-se do peculiar estilo de jogar do Ceilândia e tomou a iniciativa do jogo. O Ceilândia é um time que se defende bem e depende dos contra-ataques. Algo que lembra o time profissional.

Condições do campo também influenciaram: jogo complicado
Condições do campo também influenciaram: jogo complicado

Diferente da categoria profissional, o time feminino do Ceilândia tem jogadores que desequilibram técnica e fisicamente. Isso foi fundamental na manhã de hoje.

Adversário mostrou alguma qualidade, mas faltou pernas
Adversário mostrou alguma qualidade, mas faltou pernas

O Brazlandense surpreendeu o Ceilândia e saiu na frente. Assim terminou o primeiro tempo.

Veio o segundo tempo e o Brazlandense continuou tendo o surpreendente comando do jogo. Acontece que o Ceilândia tem Novinha. A atacante empatou no começo do segundo tempo, cobrando pênalti.

o Ceilândia tem melhores valores individuais
o Ceilândia tem melhores valores individuais

Não demorou muito e Novinha colocou o CEC em vantagem. Logo em seguida, Bruna ampliou.

O Brazlandense ainda diminuiu, mas Novinha fez mais dois e Bia deu números definitivos ao jogo.

e o Ceilândia tem Novinha
e o Ceilândia tem Novinha

Foi uma partida com muitos aprendizados de lado a lado. Sem suas maiores estrelas, o Ceilândia teve dificuldades para se impor diante de um apenas esforçado Brazlandense. No próximo final de semana, campeão e vice de 2015 vão se enfrentar. Boa hora para o CEC mostrar que está pronto para maiores desafios.

Comentarios

Comentarios