Em 2007, o meio de campo do Gato tinha Didão e Sérgio Manoel

Ceilândia faz contas ao enfrentar o Paranoá dez anos depois

Em fevereiro de 2006, vitória do Ceilândia no JK por 2 x 0
Em fevereiro de 2006, vitória do Ceilândia no JK por 2 x 0

Ceilândia e Paranoá voltam a se enfrentar neste sábado, 15h30, no Estádio Regional, em jogo válido pela última rodada da fase de classificação do Candangão 2017. 

A última vez que os times se enfrentaram foi há quase dez anos, em 28 de abril de 2007: vitória do Ceilândia por 4×2(gols de Luiz Fernando, Anderson (2) e Didão) enquanto Val e Alisson descontaram para o Paranoá).

Em 2007, o meio de campo do Gato tinha Didão e Sérgio Manoel
Em 2007, o meio de campo do Gato tinha Didão e Sérgio Manoel

O histórico do confronto registra superioridade alvinegra, 9 vitórias contra 4 do adversário e dois empates. As quatro vitórias do Paranoá foram registradas em jogos da extinta Taça Brasília, todas por goleada. A maior ocorreu na final da Taça Brasília quando o Paranoá venceu por 6 x 2. 

O Paranoá está atualmente na nona colocação do Candangão 2017 com 11 pontos. Precisa vencer o Ceilândia e torcer para que Luziânia no máximo empate diante do Brasiliense e o Real perca para o Gama.

Em março de 2007, empate sem gols entre Ceilândia e Paranoá no JK
Em março de 2007, empate sem gols entre Ceilândia e Paranoá no JK: no lance, Klécio, que viria a jogar pelo Ceilândia, perde gol feito.

Já o Ceilândia luta no topo da tabela contra Gama e Brasiliense. Os três estão empatados em primeiro com 21 pontos. A diferença entre os três é de um gol no saldo.  A rigor o Gato Precisa vencer o Paranoá por dois ou mais gols de diferença para sonhar com o primeiro lugar. Fora disso, terá que fazer as contas.

Se der a lógica no futebol, e normalmente não dá, o Ceilândia deve enfrentar Luziânia ou Real no mata-mata. Caso não vença, o Gato Preto enfrentaria Sobradinho ou Santa Maria.

 

Related Images:

Comentarios

Comentarios