Estádio Regional de Ceilândia

Estreia será com portões fechados

Estádio Regional de Ceilândia
Estádio Regional de Ceilândia

Não é possível pensar em coerência em um tempo de incoerências. Não é possível ficar discutindo culpados. O fato é que o Ceilândia estreia neste domingo na Série D do Campeonato Brasileiro com portões fechados ao público.

recebe mais de 1000 pessoas.  Principal via de escape estreita, mas liberado ao público
Ginasio da ASCEB recebe mais de 1000 pessoas. Principal via de escape estreita, mas liberado ao público

Supreende o fato de que se impeça a presença completa de público, poderiam permitir um número menor. Aos olhos do leigo, o emaranhado de normas traz a sensação de injustiça quando se compara, por exemplo, o Estádio Regional dom o Ginásio da ASCEB. Quando se fala em estádios dos outros estados então…

Saídas estreitas e normalmente obstruídas da ASCEB
Saídas estreitas e normalmente obstruídas da ASCEB

As normas de segurança para  estádios, ginásios esportivos e templos religiosos são basicamente as mesmas. Sorte do Brasília-BRB-Terracap que consegue fazer cumprir as normas no acanhado ginásio da ASCEB. No último dia 25 de abril, anunciou ter recebido mais de 1000 torcedores(!) na derrota para o Bauru.

Saída de emergência oposta obstruída por veículos de imprensa
Saída de emergência oposta obstruída por veículos de imprensa

Aos olhos do leigo, a rigor, o Estádio Regional de Ceilândia traz mais segurança por suas amplas áreas de escapes. Não há pessoas obstruindo as saídas de emergência e raramente alcança tal público. 

Festa bonita na ASCEB, mas o Regional é mais seguro
Festa bonita na ASCEB, mas o Regional é mais seguro

O emaranhado de normas é confuso e muda de estado para estado. Ao leigo, diante da falta de informações claras, resta a sensação de confusão e muitas perguntas. Normas são normas e tem de ser cumpridas. Que sejam cumpridas.

Comentarios

Comentarios