Ceilândia x Brasiliense: jogos normalmente truncados e tensos

Ceilândia e Brasiliense voltam a disputar a liderança

Ceilândia e Brasiliense já teve bons públicos no Regional
Ceilândia e Brasiliense já teve bons públicos no Regional

Ceilândia e Brasiliense voltam a disputar a  liderança do Candangão ponto a ponto. Tal como em 2017,  os dois times chegam se credenciam a terminar a fase de classificação na liderança e chegar com moral na fase de mata-mata.

Jogos normalmente equilibrados: em 2009, Ceilândia fez péssima campanha, mas 1x1
Jogos normalmente equilibrados: em 2009, Ceilândia fez péssima campanha, mas 1×1

No momento, o líder da competição é o Gama com 20 pontos. Ceilândia e Brasiliense encontram-se em terceiro e segundo respectivamente, com 19 pontos. Qualquer que seja o resultado traz para a competição um novo líder, uma rodada antes da rodada decisiva.

Didão sofre falta: no último confronto no Regional, jogo truncado e por vezes violento
Didão retorna ao time: em 2013, novo empate em 1×1 no Abadião

O Gato Preto terá seu capitão Didão de volta. O zagueiro Cocada, que ao lado de Cauê tem feito uma boa competição, também retorna. O Ceilândia sofreu nos últimos dias com as lesões de jogadores importantes para o seu time, casos de Vavá, Alcione e Allan Dellon. Com elenco enxuto, o Gato Preto tem compensado com a superação de seus atletas e comissão técnica.

Ceilândia x Brasiliense: jogos normalmente truncados e tensos
Ceilândia x Brasiliense: jogos normalmente truncados e tensos

Nos últimos dois anos há equilíbrio nos confrontos. São duas vitórias do Ceilândia, dois empates e duas derrotas. Rodrigo Raposo apitará o jogo.  O árbitro apitou o último confronto entre Ceilândia e Brasiliense no regional, em 2017. O jogo terminou em 0x0.

Comentarios

Comentarios