Cauê vai ao ataque: zagueiro quase empatou

Muita calma nesta hora: Hoje já é outro dia!

Jairo colocou dois meias: funcionou enquanto se prontificaram a marcar mais alto. Depois, recuaram demasiadamente

Hoje já é outro dia. O jogo de ontem ficou no passado. Qualquer pessoa em sã consciência admite que uma derrota para o Brasiliense, por mais que doa, é possível e provável.  O mais importante se viu em campo: o time lutou. Não conseguiu, mas é do futebol.

O 4-2-3-1 do Ceilândia é muito rígido e sobrecarrega o meio de campo.

É com esse espírito que o Ceilândia deve voltar aos trabalhos nesta semana para enfrentar o Santa Maria. Contra os demais adversários e embora o time ainda não tenha dado liga, a obrigação de vitória é sempre do Ceilândia. Ontem, foi um jogo em que a vitória poderia ser de qualquer um.

Não faltou vontade, faltou um pouco mais de futebol ao Ceilândia contra Santa Maria
O Ceilândia vai precisar de algo mais que vontade para vencer o Santa Maria e deixar este momento para trás.

Óbvio que se deve ter a humildade de reconhecer que o time tem problemas e é desnecessário ficar aqui elencando. O mais importante: o Ceilândia tem bons valores e ainda não se distanciou do meio da tabela. Deve cuidar para que isso não ocorra. No mais, calma… futebol o time tem.

Candangão 2019

PosClubeJVEDGPGCSPts
11714303492545
217113331112036
3156451512322
4155731810822
5135532012820
6135351720-318
7134451215-316
8133641513215

Romário voltou e isso ajuda. A defesa tem funcionado. Os cabeças de área tem funcionado defensivamente com um ou outro probleminha na saída de bola. Daí para a frente começam os problemas. Jairo tem tentado diversas formações e não tem encontrado.

Hora de separar os meninos dos homens.

Comentarios

Comentarios