15 dias para subir de nível: mais consistência, mais intensidade.

Romário comemora com Cocada e Gago: gol importante para ganhar confiança

O Ceilândia retorna aos trabalhos com muito que fazer antes de enfrentar o Gama: duas semanas para diminuir a diferença em  consistência e intensidade para os líderes .   Esse período vai ser muito importante para o Ceilândia.

Tatuí corre, se esforça, luta: time ainda procura forma de jogar

Nas análises realizadas nos últimos dias chegou-se à conclusão que esses três times estão à frente do Gato Preto e a pontuação no campeonato reflete a diferença: o Gama tem mais intensidade e um pouco menos de consistência que o Brasiliense. Os amarelos tem um pouco mais de consistência e menos intensidade que o Gama. O Luziânia mescla um pouco de cada, com um pouco mais de consistência que intensidade.

Sami ganhou alguns minutos: Jairo tenta variações

O Ceilândia não foi perfeito, mas a  vitória sobre o Santa Maria trouxe algum alívio. Mais que jogar bem, o time precisava que a sorte virasse. Há muito trabalho a ser feito e todos concordam com isso.

Cocada e Romário reclamaram de dores musculares. O atacante deu lugar a Wallace e o zagueiro continuou até o final. Os quinze dias serão úteis também para que se recuperem.

Gago fez de barriga: a sorte pode estar mudando

Jairo Araújo mexeu bastante no time por necessidade ou não: Jefferson e Gabriel, duas figuras sempre à disposição, não foram ao Gama. Sami, por sua vez,  teve oportunidade de jogar. Ainda sem ritmo, desviou Kabrine para o meio. Jairo ainda procura o time ideal.

Em 15 dias, Ceilândia e Gama. O Gato Preto vai enfrentar 3 dos 4 primeiros colocados. Além disso terá confronto direto contra 2 concorrentes diretos a uma vaga no mata-mata.  Vai ser outro campeonato.

Candangão 2019

PosClubeJVEDGPGCSPts
11714303492545
217113331112036
3156451512322
4155731810822
5135532012820
6135351720-318
7134451215-316
8133641513215
9113351110112
1011146511-67
1111038627-213
12110110438-341

 

 

 

Comentarios

Comentarios