O modelo esgotou: Ceilândia 0 x 1 Formosa.

Gago foi infeliz na melhor chance do Ceilândia no primeiro tempo

O Ceilândia foi derrotado pelo Formosa na tarde desta quarta.  A vida está difícil dentro e fora de campo.  Os jogadores são guerreiros e isso não se discute. O Ceilândia precisa se reinventar. Sempre foi assim. Terá de ser novamente. A direção tem um enorme tarefa pela frente.

Cocada tem muito crédito: infelicidade compartilhada com Felipe e Victor

O jogo da tarde desta quarta-feira foi o de sempre. O Ceilândia é um time lutador, que não se rende, mas falta o último passe e, principalmente, sorte. Para piorar, o Gato Preto sofreu um gol em jogada bisonha. Cocada, Felipe e Victor não se entenderam. Cocada não conseguiu tirar e Jessuí fez o gol do Formosa nos segundos finais do primeiro tempo. Por tudo que faz, Cocada merecia melhor sorte.

Cleiton Junior entrou bem e mandou uma na trave: momento difícil

Veio o segundo tempo e o Ceilândia foi todo coração. Sofreu com os critérios da arbitragem, empurrou o Formosa contra o campo de defesa, criou ao menos duas boas oportunidades de gol, mas a bola não entrou.  Bateu no poste, correu sobre a linha… mas não entrou. 

Wallace entrou no segundo tempo, mas pouco pode produzir

 Não é possível exigir mais dos jogadores. O peso maior deve sobrar para a direção, que precisa buscar um novo modelo. Sem um benemérito e sem prefeitura vai ser difícil encontrar esse modelo. O Gama, no Distrito Federal é o único que pode sobreviver sem esses modelos. Ao final, alguns torcedores gritavam “Volta, Serjão”. O presidente Ari de Almeida saía cabisbaixo. 

O Ceilândia tem um grupo bom e comprometido. Os elogios de Vilson Sá ao elenco não são gratuitos. Por isso mesmo, é preciso retirar a pressão e admitir que o Ceilândia não tem muito o que fazer no Candangão 2019 a não ser se divertir. O que vier é lucro. 

Para quem se interessar, os últimos 13 jogos do Ceilândia apitados por Rodrigo Raposo (mais o de hoje):

11.03.2018 Metropolitano / Classificatória – 6a Rodada M 1 – 0 Brasiliense Abadião 500
27.01.2018 Metropolitano / Classificatória – 1a Rodada V 0 – 0 Luziânia Serra do Lago  
09.04.2017 Metropolitano / Quartas de final – ida V 5 – 1 Luziânia Serra do Lago 584
29.03.2017 Metropolitano / Classificatoria – 10a Rodada M 1 – 1 Sobradinho Mane Garrincha 98
15.03.2017 Metropolitano / Classificatoria – 3a Rodada M 1 – 0 Santa Maria Abadiao 108
08.03.2017 Metropolitano / Classificatoria – 8a Rodada N 0 – 0 Brasiliense Abadiao 373
19.02.2017 Metropolitano / Classificatoria – 4a Rodada V 3 – 1 Luziânia Serra do Lago 713
07.05.2016 Metropolitano / Final – volta N 0 – 1 Luziânia Abadiao 7969
09.04.2016 Metropolitano / 4as de Final – Ida N 0 – 0 Brasília Diogao – Formosa 138
26.03.2016 Metropolitano / Classificatoria – 10a Rodada M 2 – 2 Luziânia Abadiao 399
27.02.2016 Metropolitano / 5a Rodada – Classificatoria M 0 – 0 Gama Abadiao 1039
29.03.2015 Metropolitano / 4as de Final – Ida V 1 – 2 Luziânia Serra do Lago 277
08.02.2015 Metropolitano / 4a Rodada M 0 – 1 Gama Abadiao

Comentarios

Comentarios