Ceilândia derrotado pelo Flamengo-RJ pela Copa do Brasil Sub20

Impossível encontrar fotografias do jogo. Esta aqui aparentemente é de Cahe Motta do GloboEsporte

Os meninos do Ceilândia foram derrotados pelo Flamengo nesta quinta-feira e estão fora da Copa do Brasil Sub20. 

O time do técnico Léo Roquete fez o possível, mas no final a diferença na preparação cobrou seu preço. O Ceilândia tomou três gols nos minutos finais da partida e foi derrotado por 4 x 0.

Delegação do Ceilândia na Copa do Brasil 2019 Sub 20

As redes sociais são ambientes tóxicos. A discussão é rasa e não é possível, mesmo aqui, em 450 palavras, ser muito profundo. O fato é que o Ceilândia fez uma partida dentro de suas possibilidades. Simples assim. 

Há uma diferença enorme na preparação das equipes. O Ceilândia teve 2 semanas, o Flamengo teve 3.  A diferença é que enquanto o Ceilândia se dividia com as tarefas do dia-a-dia, o Flamengo fazia uma “intensa preparação física, tática, técnica e mental, período que incluiu uma mini pré-temporada no CT do Hotel Fazenda China Park, em São Domingos, no Espírito Santo, além de treinamentos no Rio de Janeiro”.

O jogo foi jogo de um time só. O Ceilândia se defendia, o Flamengo atacava. Matheus foi um grande nome do jogo, mas o Ceilândia poderia ter saído na frente logo aos 4 com Vitor Mariano.  Depois disso, só deu Flamengo até que aos 19, Bill fez o primeiro gol do jogo.

O primeiro tempo terminou com esse gol. Veio o segundo tempo e o jogo ficou mais amarrado. Ainda assim o Flamengo chegava com mais perigo, mas sem obrigar Thiago a  trabalhar. Aos 23, penalti para o Flamengo. Yuri cobrou e fez 2 x 0.

O Ceilândia que vivia seu melhor momento no jogo se desequilibrou. Aos 28  , Rodrigo Muniz fez 3×0. Aos 36, Rodrigo Muniz fez 4 x 0. 

O resultado reflete muitas coisas: a melhor preparação, a melhor estrutura e até mesmo eventual melhor jogo do Flamengo. O resultado não reflete uma coisa: o quão valorosos são todos os meninos do Ceilândia e sua comissão técnica.

O Ceilândia ainda disputará a Copa do Brasil Sub 17.

O Ceilândia jogou com Matheus, Daniel Patrick, Bolt (Sales),  Artur (Igor), Davi,  Rodrigo,  Luan, Klyverson (Junior), Abídio (Gabriel), Vitor Mariano e  Lucas Tavares (Lorran). 

Matheus, Luan, Klyverson, Vitor Mariano receberam amarelo.

 

Comentarios

Comentarios