Ceilândia enfrenta Gama de olho na recuperação

Sandro Junio está à disposição de Gauchinho

As coisas parecem que estão se acertando pelo lado da Cidade do Gato. A semana começou com uma nuvem negra pairando o Centro de Treinamento do Ceilândia, mas aos poucos as coisas foram se acertando dentro e fora de campo. 

Defesa sofreu contra o Real com o desequilíbrio entre meio e ataque.

O time precisava de mais ajustes fora do que dentro de campo. A estrutura cedida aos jogadores e à Comissão Técnica está mais profissional e próxima da que o Ceilândia costuma oferecer, desde alimentação, suplementos e pessoal de apoio. Dentro de campo todos sabem que o problema não é individual, o elenco está acima da média do campeonato: o problema é coletivo.

Cassius recuou para fechar o meio de campo depois da expulsão de Allan Dellon
Ùltima vitória alvinegra foi em 2014, com um homem a menos e com Cassius em campo.

Por essa razão, a maior parte dos ajustes dentro de campo ficaram por conta de Gauchinho. Muitos elogios ao novo treinador. Para a partida deste sábado, 15h30, contra o Gama, Gauchinho deve fazer algumas alterações no elenco.

Vinicius entrou bem contra o Real. Problema do Ceilândia não é individual, é coletivo

Sandro Junio enfim foi registrado e está à disposição de Gauchinho. Sandro mostrou ser um bom valor e fez falta nos dois primeiros jogos. Pode ser útil ao Ceilândia. O Gato Preto tem dificuldades da defesa para a frente. Parece muito, mas é uma questão de posicionamento, algo que Gauchinho trabalhou intensivamente.

Os ingressos terão o preço de R$ 20,00 a meia entrada.

 

 

 

Comentarios

Comentarios