Ceilândia perde e classificação fica distante

O Ceilândia vai precisar de muita força e sorte para se classificar. Ao ser derrotado pelo CRAC por 2 x 0 nessa quarta-feira, em Catalão, o Gato ficou em situação muito difícil.Com os resultados da semana o CEC ocupa o último lugar do grupo, com 1 ponto. Com a vitória sobre o Atlético-GO por 2 x 1, a Cacerense foi a 4 pontos. O CRAC tem igualou-se ao Atlético-GO com 6 pontos.

O jogo não foi um bom jogo de se assistir. Como seria de se esperar, a iniciativa foi sempre do CRAC.

No início da partida os times fizeram um minuto de silêncio em homenagem as vítimas do acidente acontecido nesta terça feira em São Paulo, como avião da TAM. O primeiro tempo foi fraco, com poucas chances de gols para ambos os clubes.

Na segunda etapa o CRAC voltou um pouco melhor, mas somente abriu o marcador quando beneficiado por um pênalti marcado sobre Dedé que, após bela jogada de Marcinho, caiu dentro da área. O próprio Marcinho com uma cobrança impecável abriu o placar para o CRAC.

O jogo prosseguiu sonolento, truncado, até que, já no final, Danilo Santos cruzou de esquerda para Tico Mineiro, que aproveitou a chance e deu números finais ao jogo: CEC 0 x 2 CRAC.

O CRAC jogou com Denis, dede, Renato, Ademir, Jackson, Marcinho, Rodrigo, Emerson, Danilo santos, David e Jonathan.

O CEC formou com Darci, Tompson, Everson, Luiz Henrique, Lucas, Ananias, Luiz Fernando, Rolete, Gauchinho, Cássio e Didão.

Público e renda: 1140 pagantes e renda total R$ 9590, 00 reais.

Comentarios

Comentarios