Histórico: Ceilândia vence Bahia na Fonte Nova e está classificado

Embora ninguém conseguisse explicar, em meio ao péssimo resultado contra o Luziânia havia um sentimento de que o Ceilândia sairia de Salvador 20060803bahia1x2cec.gifclassificado. E assim aconteceu.

Mauro Fernandes resolveu mudar o time e, mais que isto, mudar o conceito de jogo. Para a partida decisiva contra o Bahia optou por jogadores mais técnicos, ao invés de jogadores essencialmente combativos. Pareceu uma atitude ousada, mas a ousadia foi premiada.

O Ceilândia começou sob forte pressão do Bahia mas em momento algum se acovardou. O Ceilândia mostrou atitude de vencedor e foi premiado com um belíssimo gol de Jonhes aos 43 do primeiro tempo.

Veio o segundo tempo e o Bahia, animado pelos doze mil torcedores que incentivaram o tricolor baiano, pressionou o Ceilândia e por pouco não igualou o marcador. João Carlos fez ao menos duas defesas importantes e uma bola de Rafael Bastos explodiu contra o travessão.

O Ceilândia era perigoso nos contra-ataques e foi controlando o jogo. Aos 16 minutos o Bahia ficou com um homem a menos: Bruno César foi expulso por tentar cavar um pênalti.

Depois disto o Ceilândia passou a ter total controle das ações.

O jogo caminhava para a vitória do Gato por 1 x 0, mas, quando parecia não ter forças para chegar ao gol do Ceilândia, o Bahia chegou ao empate: Aos 44, Rafael Bastos bateu uma falta com perfeição, no ângulo direito de João Carlos, empatando a partida.

A resposta do Ceilândia foi rápida e precisa. Aos 45, num contra-ataque, Myron, Abimael e Jonhes envolveram a defesa baiana e Myron colocou no canto. A bola caprichosamente tocou a trave antes de selar a classificação do Ceilândia: 2 x 1.

O Ceilândia vai enfrentar, agora, o Fortaleza, que eliminou o Vilhena de Rondônia ainda no jogo de ida, em data ainda por marcar.

Nem bem o jogo acabou e todos já tinham os olhos voltados para outra decisão, desta vez contra o Gama no Domingo. Para essa partida Mauro Fernandes não deverá contar com Bruno, que sentiu a coxa direita no final da partida contra o Bahia. Mauro Fernandes também não poderá contar com Tércio e Leandro Leite, suspensos pelo terceiro cartão amarelo.

O Ceilândia jogou e venceu com:
João Carlos, Bruno (Wagner), Adriano, Edgar e Paulinho. Leandro Leite, Lucas, Luiz Fernando (Myron) e Ewerton (Marcelo Sá); Abimael e Jonhes.

Técnico : Mauro Fernandes

Comentarios

Comentarios