CEC volta a enfrentar Paracatu com time totalmente mudado. Badhuga permanece

Ceilândia estréia hoje contra Paracatu

Em 2014, também na estréia, CEC venceu por 1 x 0
Em 2014, também na estréia, CEC venceu por 1 x 0

O Ceilândia inicia neste domingo a sua caminhada no Campeonato Candango de 2015.

O técnico Adelson de Almeida levará a campo uma equipe jovem.

Do time que começou diante do Caldas, cinco jogadores estavam no elenco de 2014. Pode-se dizer que o Gato Preto tem uma base Léo, Dudu, Badhuga, Sandro e Cassius.

Resultado diante do Caldas traz preocupação
Resultado diante do Caldas traz preocupação

Com a lesão de Kabrini, que está fora do campeonato, o Gato perde muito, Mário, Arthur, Edcarlos, Juninho, Felipe e Vinicius são novidades.

Na última partida o CEC fez um primeiro tempo razoável, mas pouco criou. As oportunidades mais claras vieram que falhas da defesa adversária.

A esperança do Ceilândia começa com as mãos de Léo.
A esperança do Ceilândia começa com as mãos de Léo.

Em contrapartida, a defesa foi relativamente bem. Falhou em bolas pelo lado. Numa dessa jogadas, Dudu salvou sobre a linha e noutra, o adversário fez o gol da virada. Erros naturais de princípio de temporada.

Para a partida dessa tarde, Adelson sabe que o time não pode errar. A vitória é importante para dar moral ao grupo.

CEC volta a enfrentar Paracatu com time totalmente mudado. Badhuga permanece
CEC volta a enfrentar Paracatu com time totalmente mudado. Badhuga permanece

O jogo não poderá contar com a presença da torcida, em razão das novas exigências de sistema de vigilância eletrônica nos Estádios segundo algumas fontes.

A FBF-DF diz que “devido a decisão judicial e à falta de laudos referentes à PMDF, as partidas nos estádios do Serejão, Abadião e Augustinho Lima serão disputadas com portões fechados, sem a presença de torcedores.”

 

Related Images:

Comentarios

Comentarios