Elivelto foi mal contra o Comercial: recuperou-se com boa atuação diante do Sinop

Muito trabalho pela frente

Elivelto foi mal contra o Comercial: recuperou-se com boa atuação diante do Sinop
Elivelto  foi um dos destaques de 2017 e permanece no Ceilândia

O Ceilândia voltou aos trabalhos na última terça-feira. Do time titular do ano passado ficaram Dudu Lopes e Elivelto na defesa. Do meio de campo titular na Série D,  Didão e Emerson permanecem. O ataque começa do zero.  Ligação e  ataque parecem ser as maiores lacunas.

Para o gol, veio Wendell que era reserva no Sete de Dourados. Cauê veio do Luziânia  para a defesa. As maiores preocupações estão nos meia-atacantes: o Ceilândia aposta em Kariri, 29, com uma extensa lista de clubes em sua carreira. Kariri não é do tipo do meia-atacante que chega na área adversária e tem características diferentes de Cirne.

Para o ataque, o Ceilândia aposta em um jogador que sabidamente sabe fazer gols, mas que já conta com 35 anos e vai exigir muita atenção: Vavá, Quem sabe repete a história de Dimba.

O elenco ainda está sendo montado e o  trabalho está apenas começando. Nesse domingo, o time realizou treinamento contra os Juniores. Adelson, como sempre, terá muito trabalho.

Comentarios

Comentarios