Dirigentes: ajustes necessários e reforços!

Treino físico-técnico: lances disputados

Treino físico-técnico: lances disputados

O tempo é um bom companheiro. Passados cinco dias da amarga eliminação na Taça JK, as coisas vão retornando à normalidade no Ceilândia.

Nesta quinta, o CeilandiaEC conversou com o técnico Adelson de Almeida e dirigentes. Do diretor Paulinho Araujo obteve a informação de que as contratações pedidas pelo técnico Adelson de Almeida foram providenciadas e devem ser anunciadas na segunda feira.

Clima melhorou um pouco, mas ainda tenso

Clima melhorou um pouco, mas ainda tenso

Adelson falou ao CeilandiaEC. Questionado sobre o jogo, Adelson afirmou que o empate contra o Botafogo-DF foi uma tragédia, mas acima de tudo foi um acidente. Em circunstâncias normais o Ceilândia ganharia o jogo, desde que se mantivesse organizado.

Quando perguntado sobre reforços, Adelson fez questão de se solidarizar com o elenco. Disse que o elenco é reduzido e que, a princípio, não haveria dispensas. Os jogadores foram indicados por ele, Adelson, e não faria sentido agora dispensá-los. ‘Estamos juntos”, disse Adelson. Reforços são necessários e serão bem vindos, completou.

20130228_103

O discurso de Adelson não encontra total eco dentro da direção. Os dirigentes compreendem como natural que Adelson queira fechar o grupo, mas a avaliação é a de que alguns ajustes são necessários.

Após o final do treino desta quinta, Adelson foi até o campo de treinamento para conversar com alguns jogadores. O primeiro deles foi Dimba. Adelson sentou-se em uma cadeirinha, Dimba no chão.

De longe, percebia-se que a conversa transcorria em um clima franco e cordial. Para um bom entendedor, alguns movimentos corporais bastam. O que começara como um desafio termina em cordialidade e entendimento. Comandante e capitão parecem ter definido a estratégia para o campeão voltar.

Arquivado em: Profissional

Sobre o autor:

RSSComments (0)

Trackback URL

Deixe uma resposta

You must be logged in to post a comment.