Tag: Celso Cardoso

CEC em busca da ponta

Cassius comemora seu gol na vitória sobre o Dom Pedro em 2010: 2 x 0
Cassius comemora seu gol na vitória sobre o Dom Pedro em 2010: CEC 2 x 0

O Ceilândia enfrenta o Dom Pedro na tarde de hoje buscando a ponta do grupo B da Taça JK, primeiro turno do Campeonato Metropolitano. A previsão é de um jogo complicado: Em três jogos, o CEC jamais venceu o Dom Pedro jogando na Metropolitana.

Com quatro pontos, o CEC é líder do grupo, mas vem de um tropeço em casa diante do Luziânia. Os dois pontos perdidos nesse jogo podem fazer falta no final do turno porque apenas um ponto separa o CEC  do terceiro colocado, o Formosa.

A fórmula de disputa nesse primeiro turno coloca times do grupo A contra times do Grupo B. Desse modo não há como recuperar pontos perdidos porque não há confrontos diretos.

Dimba: Com cara de poucos amigos durante a semana
Dimba: Fominha, com cara de poucos amigos durante a semana

Para a partida de hoje o técnico Ricardo Oliveira conta com os reforços Marangon, Claudionor, Luan e Luis Felipe regularizados. Levá-los ao jogo, ou não, é uma decisão que será tomada de última hora. As chances de Claudionor compor o elenco aumentaram em razão da contusão de Dimba, que fez apenas trabalhos leves durante a semana. O suspense continuará até momentos antes da partida.

Related Images:

Ceilândia pronto para o título

20100321brasilia1x2cec6O Ceilândia venceu o Brasília por 2×1 neste domingo e, com esse resultado, classificou-se em terceiro lugar para a disputa do quadrangular-final do campeonato metropolitano de 2010. Com a vitória o alvinegro foi a 22 pontos. A surpresa da rodada foi a eliminação do Gama que ao empatar com a Ceilandense cedeu a quarta vaga para o Botafogo.

Foi um jogo nervoso, como esperado. Nesses momentos o Ceilândia tem crescido e foi isto que se viu. Desde os primeiros movimentos o alvinegro controlou as ações do adversário, mas tinha dificuldade em criar oportunidades de gol. A primeira oportunidade foi do Brasília que acertou o travessão da meta defendida por Pedro. Naquele momento da partida o Ceilândia era melhor. Aos 24 Allan Delon devolveu e acertou o travessão adversário.

Naquele momento os outros resultados ajudavam o Ceilândia. Tudo começou a mudar aos 34 minutos, quando na Metropolitana o Botafogo fez 1 x 0 no Dom Pedro. Como o Gama empatava o CEC continuava entre os quatro. Aos 37 do jogo do Ceilândia veio a notícia de que o Gama abrira o marcador.

A atmosfera do jogo mudou. O Ceilândia imprimiu um pouco mais de velocidade e, aos 47, Allan Delon e Dimba tabelaram com William que tentou cruzar, Adaiton tentou tirar e fez contra: Ceilândia 1 x 0.

Veio o segundo tempo e o time do Brasilia parecia nervoso. O Ceilândia se aproveitou e perdeu seguidas chances de gol, até que, aos 31 William Carioca fez o segundo aproveitando bela jogada de Allan Delon.

Depois do segundo gol o CEC adminstrou ainda mais a partida. Teve duas ou três chances de ampliar, a mais clara delas com Dimba que jogou para fora. O castigo veio aos 46 quando Vitor acertou um belo chute e descontou para os colorados.

Não há muito tempo para comemorar: na quarta-feira, as 20h30, o CEC enfrenta a Ceilandense. Os quatro times irão se enfrentar em turno e returno. Os dois primeiros decidem o campeonato.

Related Images:

Reforços numa fria

Vieira: responsabilidade aumenta com desfalques
Vieira: responsabilidade aumenta com desfalques

Enfim o Ceilândia apresentou três novos jogadores no elenco. Os defensores Celso Cardoso, o meia Rafael e o atacante Evandro mal chegaram e já tem pela frente um enorme desafio: fazer com que o Ceilândia vença o Dom Pedro no Abadião, as 16 horas desta quarta, algo que não aconteceu nos últimos anos. Nos últimos seis jogos foram quatro derrotas e dois empates. Nos confrontos diretos, apesar dos últimos revezes, o Ceilândia tem o melhor retrospecto.

Celso tem 30 anos e nasceu Celso Cardoso de Moraes. Ã? zagueiro e não atua profissionalmente desde que deixou o Sport Clube Atibaia, de São Paulo, no final do ano passado. Dos três é o único que deve jogar contra o Dom Pedro, entrando na defesa no lugar do xerife Panda, com desconforto muscular. Liel o substituto imediato também tem problemas musculares.

O Ceilândia também regularizou a situação de Rafael, 20 anos, formado pelo técnico Adelson de Almeida nas categorias de base do Brasiliense. Pode ser opção para o treinador. A única dúvida é o atacante Evandro, vindo do Olaria do Rio de Janeiro, cuja documentação não foi regularizada até na última terça-feira.

Related Images: