Dois volantes correndo atrás do advesário: perigo no contra-ataque

Série D: O desafio de melhorar a cada jogo

Carlos Henrique fez uma partida discreta diante do Comercial: pode mais, tanto ofensiva quanto defensivamente
Carlos Henrique fez uma partida discreta diante do Comercial: pode mais, tanto ofensiva quanto defensivamente

Parece um  chavão, mas não é: cada jogo é um jogo. A Série D é uma competição muito difícil e é preciso melhorar sempre. O Ceilândia tem desafios para melhorar defensiva e ofensivamente para o jogo deste sábado, 15h30, no Regional.

A avaliação geral é a de que o Ceilândia fez boa partida em Campo Grande, melhor ainda que na primeira fase, quando o resultado veio mais por força do acaso do que pelo futebol demonstrado. Mesmo assim, há a certeza que o time se constroi jogo após jogo. 

Comercial levou perigo pelo alto
Comercial levou perigo pelo alto

O técnico Adelson de Almeida não tem problemas físicos importantes. O time já vai para sétima partida sem o seu motorzinho, Alcione. Quando voltar, Alcione estará fora de ritmo, mas sempre será útil. Então, é melhor procurar a classificação com o time disponível.

Dois volantes correndo atrás do advesário: perigo no contra-ataque
Dois volantes correndo atrás do advesário: perigo no contra-ataque

Lauro ficou no banco no jogo de ida. O jogador recebeu elogios da Comissão Técnica, mas deve ser lançado aos poucos. 

Para a torcida, boa notícia: o laudo do Estádio Regional foi recebido pela CBF, que confirmou presença de público. Os ingressos serão vendidos por preços a partir de R$ 10,00 (dez reais) a meia.

Comentarios

Comentarios