Tag: Rogerio Bueno

Lição de humildade: Gama 3 x 0

Luizão é derrubado na área
Luizão é derrubado na área

Se ao Ceilândia faltava uma lição de humildade, essa lição aconteceu neste sábado, no Abadião. Se ao Ceilândia faltava entender em que velocidade e disposição um jogo é disputado, essa lição também aconteceu neste sábado.

Tudo aconteceu como previsto: a torcida foi, o campo tem o melhor gramado do DF e, acima disso tudo, o time do Ceilândia é bom. O que não estava previsto é que ficasse tão evidente que o time do Ceilândia não tem ritmo de jogo. Foi só a partida iniciar e o Gama tomou as rédeas da partida. Notou-se, desde o primeiro instante, que os times estavam em rotações diferentes. Enquanto o Gama parecia elétrico e rápido, o CEC parecia sem forças e lento.

A bem da verdade, o CEC até que teve uns quinze minutos de lucidez entre os 15 e 30 minutos no primeiro tempo. A história até poderia ser outra se Dimba não perdesse um pênalti sofrido por Cassius. O penalti, a bem da verdade, foi muito mais consequencia de um acaso que fruto de trabalho do Ceilândia. O CEC agia como que acreditasse que a vitória viria naturalmente.

Após perder o penalti o CEC voltou a ser dominado. Edinho fez ao menos duas boas defesas, mas não pode evitar que Thiago Silva, aos 37, com os pés no chão e livre de marcação, marcasse de cabeça o primeiro gol da partida.

Veio o segundo tempo e o jogo continuou o mesmo. O Ceilândia até tentava, mas parecia sem força. Os jogadores corriam, se esforçavam, mas isso era ineficaz porque não parecia consequencia de uma estratégia de jogo. No fim, o Gama sempre parecia mais eletrico e rápido.

Penalti perdido. A história seria outra
Penalti perdido. A história seria outra

O resultado não demorou a se desenhar: Edcarlos aos 4 e Cabrine aos 12 fizeram Gama 3 x 0. Depois disso, o Alviverde cansou de perder gols. Mérito também para Edinho que defendeu um penalti cobrado por Ferrugem.

O CEC se esforçou, mas não conseguiu alterar o ritmo. O Gama continuava mais elétrico. Já nos últimos minutos, com as entradas de Álvaro, Leandro Kivel e de Cafu, o CEC mostrou algum tipo de energia, de indignação com o resultado. Não foi suficiente.

Alguns jogadores realmente não foram bem. Para os dirigentes parece ter ficado evidente que o tempo de treinamento não foi suficiente para permitir que a equipe entendesse e colocasse em prática uma estratégia de jogo. Para o torcedor foi muito ruim. O time mostra claramente que tem dificuldade em passar do meio para o ataque. Isso obriga Allan Delon a seguidamente voltar para buscar a bola. Com o passar dos minutos o CEC nada mais é que um time previsível. Quarta-feira tem mais e pode ser o começo da recuperação.

Como sempre faz o SiteCEC perde um tempinho com a arbitragem. Rogério Bueno apitou a partida. A sorte esteve ao lado do árbitro. Não é possível dizer se Cassius realmente cometeu alguma irregularidade no gol anulado. O placar dilatado serve para encobrir uma arbitragem confusa, principalmente do ponto de vista disciplinar.

Related Images:

Pressão alvinegra na estréia

Allan Delon, Cassius e Dimba: Esperança alvinegra
Allan Delon, Cassius e Dimba: Esperança alvinegra

Tudo pronto para mais um Campeonato Metropolitano e para o clássico vovô deste sábado. A CBF publicou nessa sexta-feira o BID com as inscrições de oito atletas do Ceilândia, dentre eles DIMBA, EDINHO e VIEIRA, prováveis titulares no jogo deste sábado.

O técnico Adelson de Almeida provavelmente não lançará o seu time ideal porque Mica está machucado. Willian Pinheiro deve ser o provável substituto.

A se tirar pelas últimas informações, Adelson de Almeida espera que seja um jogo aberto. Por essa razão o técnico privilegiou atletas mais técnicos e isso será percebido pelo time que lançará em campo. Outro detalhe é que manteve um jogador rápido ao lado de Dimba no ataque.

A torcida deposita grande esperança em Dimba e Allan Delon. O atacante é figura quase certa na partida. Allan Delon ainda não está na melhor forma, afinal juntou-se ao grupo apenas na semana passada.

Mica é desfalque quase certo
Mica é desfalque quase certo

Depois da pífia campanha em 2009, a estréia do CEC no campeonato de 2010Â está carregada de expectativa. Para a torcida, para o time, uma vitória na estréia é fundamental.

Para ver o elenco do CEC em 2010 clique neste link.

Related Images: