Autor: admin

Ceilândia começa bem: 3 x 0 no Gama

Cabralzinho fez uma partida muito boa, Romarinho não teve sorte. Ambos participaram do 2o gol.

O Ceilândia iniciou o Candangão BRB 2022 com o pé direito. Jogando na tarde deste sábado no Regional, com uma boa presença de público, o Gato Preto venceu o seu tradicional adversário por 3 x 0.

Adelson manteve o time da fase de preparação

Depois de um início equilibrado, o Ceilândia logo assumiu o controle das ações e foi sempre superiro ao seu adversário.  Poderia ter aberto o marcador ainda no início, mas Romarinho, cara a cara com o goleiro, desperdiçou a oportunidade.

Gabriel Henrique comemora o primeiro gol

No geral, o Ceilândia ainda teria mais duas oportunidades até que Gabriel Henrique pegou a sobra da bola desviada por Gabriel Vidal e  da entrada da área e abriu o marcador. Eram 42 do primeiro tempo, Ceilândia 1 x 0.

Tarta comandou o time em campo. Substituído por Giovani após o 2o gol.

Veio o segundo tempo e, tal qual no primeiro, o Gama veio para cima. Não demorou e o Ceilândia equilibrou as ações e retomou o controle da partida. Aos 20,  contra-ataque rápido do Ceilândia. Romarinho lançou Cabralzinho e este fez um magnífico passe para  Hiury que bateu na saída do goleiro: Ceilândia 2 x 0 Gama.

Camisa 13 fez a festa

O Gama sentiu o segundo gol. Depois desse momento, o Ceilândia era senhor do jogo, mas não forçava o terceiro gol. Esse gol veio naturalmente. Gabriel Pedra, que acabara de entrar,  pegou a bola desviada por Gilson e tocou para o fundo do gol alviverde. 33 do segundo tempo, Ceilândia 3 x 0.

Hiury faz o segundo do Ceilândia.

O Ceilândia poderia ter feito o quarto gol, mas procurou administrar o resultado. Ainda assim esse gol poderia ter vindo. Gabriel Pedra acertou um belo chute de fora da área e a bola explodiu no travessão.

Gabriel Pedra fez o terceiro

No final, o resultado fez jus ao que foi o jogo. O Ceilândia foi muito superior ao seu adversário. A defesa do Ceilândia se viu complicada apenas em dois lances nos quais Léo não achou a bola.

Ferrugem desfaleceu em campo. Susto!

Também chamou a atenção o fato de que diversos jogadores do Gama reclamaram de caimbras. Um deles, o zagueiro Ferrugem, chegou a assustar a todos os presentes ao desfalecer em campo.

Léo foi pouco exigido, mas pareceu que ainda não está no melhor de sua forma.

A avaliação após a partida é a de que uma coisa é o jogo, outra coisa é o campeonato.  Com relação ao jogo em si, há dúvidas se o resultado diz mais sobre o Ceilândia ou sobre o Gama.

Gabriel Henrique teve trabalho com Filipe Cirne.

Há méritos inegáveis na vitória do Ceilândia, mas não se pode perder de vista que o campeonato está apenas começando. Muita coisa vai mudar até a fase final da competição.

 

Últimos ajustes para a estréia

Romário, marcado por Gabriel Vidal,  é esperança de gols

O Ceilândia  está dando os últimos ajustes na preparação para a estreia no Candangão 2022, sábado, 15h30, no Regional.

Adelson realizou parte do treino em campo reduzido

O técnico Adelson de Almeida considera que o que havia de ser feito está essencialmente feito.  O treinador tem dado ênfase a pequenos ajustes.

Adelson conversa com o Presidente alvinegro: últimos detalhes

Os jogadores sabem que estrear bem é importante. Para isso contarão com a principal arma do time: o campo do Abadião passou por reformas e parece estar em excelente nível.

Ceilândia EC x Gama

Regional de Ceilândia

O jogo deste sábado será aberto ao público, inclusive visitante. Os ingressos serão vendidos na bilheteria do estádio a 20 reais, a meia.

Quer conhecer os jogadores do Ceilândia um pouco mais, clique em qualquer das imagens abaixo (os jogadores estão ordenados por quantidade de jogos oficiais disputados com a camisa do Ceilândia).

Como em 2016, de volta a Goianésia

Em 2016, teve jogo-treino contra o Goianésia: 0x0. Na imagem, Cassius avança ao ataque.

Como em 2016, o Ceilândia é apontado como um dos elencos mais fortes do campeonato. Diferentemente de 2016, o Ceilândia chega para o amistoso deste sábado, contra o Goianésia, já com algum tempo de treinamento. Pode não ter sido o idel, mas foi o necessário.

Adelson disse que o seu nível de exigência é compatível com a preparação: time ainda longe de sua melhor forma
Em 2016, Adelson disse que o seu nível de exigência era compatível com a preparação

O Goianésia começou a trabalhar há pouco tempo. Pode ter propósitos diferentes que o Ceilândia. Nisso reside o perigo. Todos sabemos que resultados ruins são sempre vistos como uma tragedia pelos lados da Cidade do Gato.

O jogo de 2016 contra o Goianesia foi muito truncado: 0x0

O jogo deste sábado é o último da fase de preparação do Ceilândia, antes da estréia do próximo sábado diante do Gama. O Goianésia ainda tem mais duas semanas.

Kayser entrou no segundo tempo do jogo contra o Gremio Anapolis: boas defesas.

O técnico Adelson de Almeida já teve tempo suficiente para esboçar o time base. Adelson tem problemas para lançar esse time-base. Alguns jogadores reclamaram de cansaço muscular. São poucos, mas o alerta serve.

Tarta foi poupado em Anápolis.

Além disso, Adelson não contou em Anapolis  com jogadores importantes no elenco. Casos de Wallace Tarta,  Pedro Medeiros e o atacante Caíque. Como se vê, Adelson pode estar escondendo o jogo ou as perspecivas mudaram.

China foi bem em Anápolis. Recuperado das lesões, esperança que seja constante

Adelson tem problemas também no gol. O goleiro Michael ainda não está 100%. Enquanto isso, Léo parece ser a primeira opção. Importante destacar que Kayser mostrou algumas qualidades importantes em Anápolis. De quarto goleiro a opção parece ter sido um pulo.

Romario movimentou-se bem, mas teve poucas chances em Anapolis

No mais, amistoso serve para dar ritmo e para testar jogadores.  Quanto a isso parece que Adelson tem conseguido dar tempo de jogo a quase todo o elenco.

Caíque não jogou em Anápolis. Algum problema com o artilheiro?

Fora de campo, a diretoria corre para registrar os atletas. Quase todo o elenco está registrado. Daqui a pouco a bola rola para valer.

Para ver como foi em 2016 é só clicar no link: https://www.ceilandiaec.com.br/9780/

Para mais informações sobre o elenco 2022, veja abaixo (os jogadores estão ordenados por jogos disputados com a camisa do Ceilândia):

Jogadores começam a aparecer no BID

Adelson disse que o seu nível de exigência é compatível com a preparação: time ainda longe de sua melhor forma
Ceilandia voltará a Goianesia. Ultima vez foi em 2016; 0x0

O Ceilândia vem treinando já há algum tempo. A direção informou que a documentação dos jogadores está toda pronta e que esta semana todos devem ter os seus contratos publicados no BID.

Nesta semana já começaram a aparecer os  primeiros nomes.  Cabralzinho foi o primeiro atleta a ter o seu nome divulgado, seguido do lateral Crystian e do zagueiro Gabriel Vidal.

Primeiros jogadores já no BID

No sabado, o Ceilândia vai a Goianésia, no último amistoso antes do Candangão 2022.

Abaixo, o elenco de 2022.

O Candangão 2022 será mais difícil dos últimos anos

Elenco para 2022. No papel, um bom time. Resta saber se vai dar liga.

O Ceilândia tem, no papel, um time melhor que nos últimos anos. O problema tudo parece indicar que este ano não teremos times com os níveis que Sobradinho, Formosa e Samambaia apresentaram em 2021. E, para completar, em vez de 12 teremos apenas 10 times.

Brasiliense é um time mudado em relação a 2021, mas ainda assim o grande favorito.

Uma coisa não mudou. O Brasiliense é o time a ser batido. É verdade que o time que nos bateu na final de 2021 dificilmente repetirá as atuações do início da temporada passada. Não o fará por diversas razões e até este ano teremos apenas três batalhões, com quase todo mundo embolado atrás do Brasiliense.

Gama vem completamente mudado em relação a 2021: camisa de respeito.

A rigor e antes da bola rolar,  o Brasiliense é o favorito ao título. Atrás do time amarelo vêm Gama e Ceilândia, mais o Capital, que terminou invicto em 2021, mas não chegou nas semifinais.

Capital fez boa campanha em 2021 e terminou invicto.

O Gama tinha um time muito modesto em 2021. Ainda assim chegou nas semifinais. Pouco se sabe sobre o time de 2022, mas se tem a certeza que o Gama,  na pior das hipóteses, fica no pelotão intermediário do Candangão. Este ano não muda.

Taguatinga começou bem 2021, mas caiu de produção no final. Manteve a base para 2022

O Capital fez boa campanha em 2021. Terminou invicto e foi eliminado no saldo de gols. Reforçou-se para 2022. Pode não ter tradição, mas é um adversário para se ter cuidado.

Último jogo entre Ceilândia e Paranoá foi em 2007: Didão contra Clécio em início de carreira
Em 2007, Klécio era só um menino quando jogou pelo Paranoá. Retorna, já veterano.

Na visão do CEC Torcedor os demais times formam o terceiro pelotão. Claro que Taguatinga, que manteve a boa base de 2021; Unaí, que é sempre forte dentro de casa e Paranoá, que possui bons veteranos, levam alguma vantagem no papel sobre os demais.

Unaí é sempre forte em casa, mas foi lá que perdeu a chance de ir à semifinal de 2021

Acontece que o Santa Maria fez boa campanha em 2021 e pode surpreender em 2022.

Santa Maria quase tira o Ceilândia da semifinal do Candangão 2021.

Pouco se sabe sobre Brasília e Luziânia, mas o cenário parece indicar que terão ao menos times competitivos o suficiente para embolar o grupo com os demais, excluído, claro, o Brasiliense.

Ceilândia enfrentou o Brasília de olho no Luverdense
Ceilândia volta a enfrentar o Brasilia depois de 5 anos, agora em 2022.

Não é possível arriscar um palpite sobre quem desafiará o Brasiliense. Claro que alguns times possuem estruturas melhores e essas estruturas devem pesar na hora final. Há uma certeza: tem tudo para ser um campeonato mais equilibrado que em 2021. A bola, contudo, tem lá os seus caprichos.

Pouco se sabe sobre o Luziânia, apenas que será um time menos forte que em 2021.

Agora, é esperar para ver. No próximo sábado, o Ceilândia vai a Goianésia enfrentar o time da casa. Depois, a estreia.

Ceilândia vence Grêmio Anapolis em amistoso preparatório

Na primeira jogada, Romarinho sofreu falta violenta.

Jogando na tarde deste sábado,  debaixo de muita chuva, o Ceilãndia venceu o Grêmio Anapolis por 1 x 0, jogo disputado no CT do adversário.

Sem bolas longas dos jogos-treinos, HIwry participou ativamente do jogo.

O resultado é  o detalhe de menor importância. A vitória não pode servir para encobrir defeitos apresentados, como uma derrota não serviria para afastar as virtudes. Se perguntassem qual a maior virtude, diriamos: a solidariedade demonstrada. Sempre havia mais defensores que atacantes.

Cabralzinho deu muito trabalho à defesa adversária

No primeiro tempo o jogo foi relativamente equilibrado, mas o Ceilândia no conjunto foi melhor. Teve mais e melhores oportunidades que seu adversário.

Muita chuva. Gramado pesado dificultou o jogo

Veio o segundo tempo e o Gremio Anapolis voltou melhor. No geral foram aproximadamente 15 minutos de domínio do adversário. Nesse período, o Gremio poderia ter aberto o marcador, mas Kayser mostrou virtudes importantes.

No geral o Ceilândia foi sempre um time solidário

Adelson mexeu no time e com isso o Ceilândia voltou a tomar o controle da partida. Foi aí que Gabriel Pedro, o artilheiro de 2021, mostrou que pode não ser o nome mais conhecido, mas é sempre uma peça importante. Em jogada individual, Gabriel fez Ceilândia 1 x 0.

No segundo tempo, o Ceilândia sofreu um pouco mais… e fez o gol

O Grêmio Anápolis sentiu o gol. O Ceilândia assumiu de vez o controle do jogo, mas faltava algo de inspiração.

Gabriel Pedra comemora o seu gol

O Ceilândia mostrou algumas virtude importantes no sistema defensivo, melhorou na transição da defesa para o ataque ao exigir mais a participação de Hiwry, mas pecou no ultimo passe e na conclusão.

Mirandinha no combate: este Ceilândia joga diferente de 2021

A defesa que tem suas virtudes também errou. Em ao menos 2 saídas de bola, pelas laterais e pelo centro, permitiu ao Gremio Anapolis as suas melhores chances.

Erros na saída de bola poderiam ter custado a vitória

De qualquer sorte uma vitória é sempre uma vitória. O time tem 15 dias para consertar os defeitos apresentados. No próximo sabado vai a Goianésia.

Ceilândia faz primeiro amistoso antes do Candangão 2022

O Legião defendeu-se bem, mas não foi capaz de oferecer resistência efetiva

O Ceilândia viaja para enfrentar, ainda neste sábado, o Grêmio Anápolis. Todo amistoso é sempre importante, mas carrega em si a necessidade de uma análise adequada.

HIwry sofre com os passes longos. A transição não tem passado por ele.

Conhecendo o Ceilândia, todos sabemos que uma derrota é sempre uma tragédia para os lados da Cidade do Gato. Então, todo jogo-treino, todo amistoso, todo jogo carrega consigo um peso adicional.

Ainda é pouco, mas Caíque tem sido importante taticamente.

Adelson costuma esconder as suas estratégias. Este ano, Adelson parece ainda mais cuidadoso. Em nenhum dos jogos-treinos, contra equipes amadoras, Adelson mostrou o que pretende taticamente da equipe.

Há diversas conclusões: A principal conclusão  é a de que Adelson tem priorizado os treinos táticos em detrimento dos jogos-treinos.

Adelson tem mantido o meio, mas a defesa ainda não foi testada

Para o amistoso de hoje, Adelson sabe que terá que expor o que pretende em ao menos um tempo. Então, o amistoso será importante para que tenhamos uma visão clara da pretensão do treinador em termos táticos e o quanto o time avançou nessa direção.

Gabriel foi artilheiro do time em 2021: Espécie de Curinga de Adelson

Há uma preocupação com o aspecto técnico. Por razões justificadas, sabe-se que os jogadores não estão no melhor de suas formas técnicas. Uns mais, outros menos.

Adelson tem dado prioridade aos treinos táticos

Individualmente, nenhum jogador tem chamado a atenção. Isso tem muito a ver com o fato de que ainda estão evoluindo física e tecnicamente. Isso pode ser positivo porque nessas horas é mais importante evoluir como time.

Os jogos-treinos serviram para dar movimentação aos jogadores. Hoje,  muda de patamar.

Claro que Romarinho chama a atenção pelos gols marcados, mas seria injusto dizer que está acima dos demais. Uma análise mais criteriosa o coloca no mesmo nível dos demais.

Giovani foi muito utilizado em 2021. Opção para 2022.

Faltam 15 dias para a estréia. Jogadores e Comissão sabem que agora é a hora de fazer o polimento do time, de modo a permitir começar bem o campeonato.

Ceilândia fez último jogo-treino. Agora amistosos e estréia

Ceilândia controlou o sub-20 do Legião

O Ceilândia fez ontem o último jogo-treino antes da estréia no Candangão 2022. A vitória por 3 x0 sobre o sub-20 do Legião foi tranquila, como se esperava. Também como se esperava, não escondeu que o time ainda tem algum caminho a percorrer até estar pronto. Os jogadores parecem ter consciência disto.

Tarta é a referência, mas ainda falta entrosamento

No geral, não se esperava um jogo estruturado. Adelson compreendeu que depois das festas de ano novo não seria o caso.Deixou o time à vontade.

Na conclusão, o segundo gol de Romarinho

Com o time à vontade o que se viu não foi exatamente agradável aos olhos. A transição da defesa para o ataque era feita com muitos passes longos, aproveitando os espaços deixados pelo inexperiente adversário. Por ser um treino, esperava-se que a bola passasse por Hiwry, mas isso pouco ocorreu.

Time melhorou depois da conversa entre os jogadores

Foi necessário que alguns jogadores se reunissem e reavaliassem a estratégia. Como dito, Adelon deixou os jogadores à vontade. O resultado foi positivo. Com a aproximação das linhas, o Ceilândia chegou mais equilibrado. Chegando mais equilibrado, vieram os gols.

Mirandinha também fez o seu

Romarinho (2) e Mirandinha fizeram os gols do Ceilândia. O resultado em si não significa muita coisa. O mais importante foi ver que o time ainda procura uma forma de jogar. Neste momento, isso é natural.

Ceilândia ainda é um time em formação

No próximo sábado, o Ceilândia viaja para enfrentar o Grêmio Anápolis. O atual campeão goiano vem algo modificado para 2022. Amistosos são enganadores e podem encobrir uma série de defeitos, mas são sempre úteis. Será um bom teste.

Zé Vieira nos deixa, fica a história

Ze Vieira: identificado com o CEC. Deixa saudades

Ontem teve jogo-treino, mas compreendemos que não poderíamos trazer qualquer notícia que diminuísse o sentimento pela morte de Zé Vieira.
Zé Vieira nos deixou na data de ontem.  Zé nascu  em 24 de maio de 1956 e contava 64 anos.

Ze Vieira, jogou na estreia do Ceilandia

Com 23 anos, já era um jogador experiente quando fez parte do primeiro esquadrão do Ceilândia ainda na estreia em 1979, ao lado de Renilton, Dão, Toninho, Luciano Tatu, Edson, Lelé, Risadinha, Adilson, Messias, Zé Vieira e Joseli.
Ao todo, Zé Vieira fez 34 jogos e 2 gols com a camisa alvinegra.
Dirigiu o Ceilândia como Técnico em 1993 em 18 jogos, com 10 vitórias, 3 empates e 4 derrotas.
Na nossa cidade, fez história com a camisa do 26 FC.

Agora é pra valer!

Elenco para 2022. Imagem: Alan Rones

2022 já começou! Com o novo ano, vem também a segunda fase de preparação do Ceilândia para o Candangão 2022.

Apresentação 2014
Trabalhos começaram em dezembro: foco no trabalho físico

O time se apresentou no dia 14 de dezembro de 2021. De lá para cá o trabalho esteve centrado principalmente na parte física.

Foco inicial no trabalho físico – Crédito: AlanRones

Agora, o trabalho deve mudar o seu foco para os trabalhos técnicos, táticos e mental.

Jogo-treino contra base do Ceilandense. Romario é uma das boas novidades

Nessa nova fase estão previstos um jogo treino, amanhã contra o sub-20 do Legião, e dois amistosos.

Segundo teste também foi contra time amador – Credito: Alan Rones

O primeiro amistoso será já no próximo final de semana, duas semanas antes da estreia, contra o Grêmio Anápolis, em Anápolis.

Wallace: servindo à seleção do DF
Wallace Tarta integrou o elenco campeão em 2012:  volta ao Ceilândia agora noutro patamar.

Nesse amistoso o nível de cobrança tende a ser maior. A pressão tende também subir gradativamente até a estréia do Candangão.

Romarinho comemora mais gol, dessa vez contra o Luziania
Romarinho tem uma história de sucesso com o Ceilândia.

O CEC Torcedor conversou com alguns torcedores. No geral há otimismo em relação ao time. Há também dúvidas sobre as reais condições dos principais reforços: Tarta e Romarinho, por exemplo.

Faltam menos de 15 dias para a estreia

Ceilândia fará dois amistosos antes do Candangão 2022

Em 2012, CEC venceu Gremio Anápolis e Aparecidense.: últimas vitórias em solo goiano
Depois de 10 anos, Ceilândia volta a enfrentar o Grêmio Anápolis. Agora na preparação para 2022

O Ceilândia continua com os trabalhos de preparação para o Candangão 2022.

Como se viu do jogo-treino da última terça-feira, há muito caminho a ser percorrido. Na essência, o jogo-treino serviu principalmente para que os jogadores se movimentassem, depois de uma semana de trabalho pesado.

Wallace entrou no segundo tempo: opção para a defesa alvinegra
Em 2016, Ceilândia enfrentou o Goianésia na preparação para o Candangão.

Ontem, a diretoria divulgou a programação até a estréia contra o Gama, no dia 22 de janeiro. Dos quatro jogos-treinos agendados, dois são contra equipes amadoras.

Equipe amadora, Recantense enfrentou o Ceilândia apenas nas categorias de base, como nesse jogo de 2012.

No dia 27 de dezembro, no CT, o Gato Preto enfrentará o Recantense. Na semana seguinte enfrentará a equipe sub-20 do Legião.

Romario é uma das boas novidades: está de volta ao Ceilândia

Para finalizar, dois jogos contra times que se preparam para o Campeonato Goiano: no dia 8, o Gato Preto enfrentará o Gremio Anapolis e no dia 15, uma semana antes da estreia, enfrentará o Goianésia.

Ceilândia faz seu primeiro teste

Tarta está de volta. Em tese, a referência técnica do time.

Com uma semana de preparação, o Ceilândia fez hoje o seu primeiro teste na preparação para o Candangão 2022. O adversário foi o sub20 do Ceilandense.

Hiury movimentou-se bem e pareceu fazer boa dupla com Romarinho

Como todo jogo-treino, não era de se esperar estrutura de jogo. Por isso mesmo, Adelson deixou seus jogadores à vontade.

Romarinho mostrou que ainda mantem o faro de gol

A vitória veio facilmente, como decorrência da disparidade técnica.  O placar, nessas circunstâncias é o que menos importa, mas foi bom ver que Romarinho ainda tem uma bola relação com o gol, Tarta é mortal na cobrança de falta e Gabriel Henrique tem uma noção de equilíbrio de jogo muito interessante.

A defesa teve pouco trabalho

Na segunda etapa, Adelson trocou quase todo o time. O panorama se manteve. Quem esperava estrutura de jogo, obviamente vai ter que esperar um pouco mais.

Léo não foi exigido.

No geral, o treino foi proveitoso. Além de dar movimentação aos atletas, serviu para que a Comissão Técnica avaliasse como as peças podem se encaixar no projeto alvinegro.

No geral, o treino foi proveitoso

O Ceilândia deve fazer outro jogo-treino ainda este ano. Enquanto isso, segue o trabalho de base.

Ceilândia se apresenta para 2022

João Afonso foi uma boa revelação em 2020. De volta ao Ceilândia.

O Gato Preto apresentou o elenco para a temporada 22 no último 14 de dezembro. Alguns nomes já eram conhecidos, casos de Tarta, Romarinho, Medeiros, Michael e Léo.

Outros nomes eram apenas cogitados, casos de Cabralzinho e Romário.  No geral, ficou a impressão que ao menos no papel o Ceilândia virá com um time mais forte que o de 2021.

Elenco para 2022. Imagem: Alan Rones

Na apresentação algumas boas surpresas, como o goleiro Henrique e o zagueiro João Afonso.

Outros são conhecidos, como Dogão, Werick, Mirandinha, Gabriel Pedra e Giovani, remanescentes do time de 2021.

Goleiros: Henrique, Matheus Kayser, Léo Unamuzaga e Michael
Lateral Direito: Crystian e Douglas Rato
Zagueiros: Medeiros, Gabriel Vidal, Gilson, João Afonso e Martinely
Lateral Esquerdo: China, Gleyssinho e César Eduardo
Volantes: Dogão, Werick, Giovani, Gabriel Henrique e Tarta
Meias: Cabralzinho, Fernandinho e Hiwry
Atacantes: Romarinho, Mirandinha, Gabriel Pedra, Romário e Caíque

Léo foi um dos destaques da competição: defesas milagrosas ao longo de toda a competição

Apresentação do elenco 2022: dia 14 de dezembro.

Romarinho tem contrato renovado
Romarinho é outro que volta ao Ceilândia.

O Ceilândia confirmou para 14 de dezembro a apresentação do elenco para a temporada 2022.

Falando ao CEC Torcedor, o presidente Ari de Almeida afirmou que no papel o elenco é forte. Agora é torcer para que o trabalho dê liga.

Dentre os nomes já divulgados, destaques para os goleiros Léo e  Michael, o zagueiro Medeiros, o meia Tarta e o atacante Romarinho.

Léo foi um dos destaques da competição: defesas milagrosas ao longo de toda a competição
Léo está de volta ao Ceilândia.

Na conversa com o CEC Torcedor, o presidente Ari de Almeida informou nomes importantes, alguns que se destacaram no Candangão 2021, mas não pode confirma-los ainda. Os nomes foram indicados pelo treinador, Adelson de Almeida.

Ceilândia EC x Gama

Regional de Ceilândia

Agora, esperar a apresentação. Ari de Almeida espera que a maior parte comece a trabalhar no dia 14, mas o elenco deve estar completo apenas no dia seguinte.

O Ceilândia estreia  no Candangão 2022 em 22 de janeiro diante do Gama.

Lotinha e manipulação de resultados: Precisamos falar de 2021…

DF precisa exorcizar os fantasmas de 2021

Manipulação de resultados não é algo novo no futebol.

No caso do DF, existe uma investigação em andamento. Esperamos que chegue a bom termo. O futebol local tem lá os seus problemas, mas  não pode correr o risco de ficar com essa mancha por esclarecer.

O que aconteceu em 2021 é um assunto pendente.  Ano após ano esse fantasma parece ficar mais claro na visão de quem acompanha o esporte local.

O futebol do DF tem problemas.  É pobre, acanhado, mas não pode pegar a mancha de manipulado.  A responsabilidade de todos aumentou.  É preciso que Federação, clubes, jogadores, imprensa e torcedores estejam atentos.

Fora disso, o esporte perde toda a graça.